MONITOR 2019

MÚSICA ELECTRÓNICA COM PERFORMANCE TEATRAL É A PROPOSTA AO VIVO DOS POTOCHKINE!

Hugo e Pauline dão corpo a POTOCHKINE, um projecto francês que leva para cima do palco muito mais do que (boa) música! A sua prestação ao vivo é “famosa” por não ser um “simples” concerto. A dupla faz questão de enfantizar com teatralidade a sua performance, incluindo, muitas vezes, componentes da mímica e elementos circenses. O cuidado estético do outfit que apresentam em palco é outra das características que os distingue. Mas, claro, não foi só o componente performativo que convenceu a FADE IN a trazê-los ao festival MONITOR 2019. A sua música, dançável, feita com caixas de ritmo e sintetizadores, contém elementos que vão do techno ao EBM, do electroclash à coldwave, da synthpop à minimal-wave. Mas é a voz de Pauline, segura, limpa e convincente, que se revela a cereja no topo do bolo.  O universo lírico dos POTOCHKINE, poético e simultaneamente perverso, faz o resto: arrebata-nos, fustiga-nos e faz-nos render. A “coisa”, portanto, promete! E promete tanto que a FADE IN vai mesmo dar-lhes a honra de encerramento da quarta edição deste tão peculiar festival!

. SPOTIFY .
. BANDCAMP .
. YOUTUBE 01 .
. YOUTUBE 02 .
. YOUTUBE 03 .

 

POST-PUNK TRANSALPINO DE TOADA MODERNA E DANÇÁVEL

Os TALK TO HER chegam-nos de Veneto, região do nordeste italiano cuja capital é Veneza. Formados em 2015 por Riccardo Massaro (baixo), Stefano Murrone (guitarra), Andrea Visaggio (voz, sintetizador) e por Francesco Zambon (bateria) a banda chamou a atenção da FADE IN – Associação de Acção Cultural quando em Março de 2018 lançou o seu EP de estreia. “Home”, assim se chama, mostra-nos uns TALK TO HER portadores de um post-punk peculiar e poderoso, como se os Editors fossem injectados por doses adicionais de compassos dançáveis. Uma sonoridade suficientemente moderna e atractiva para que as portas da quarta edição do festival MONITOR se lhes abram escancaradamente.

. SPOTIFY.
. BANDCAMP .
. YOUTUBE 01 .
. YOUTUBE 02 .

OS STRUCTURES SÃO UMA DAS NOVAS BANDAS CUJA DESCOBERTA É OBRIGATÓRIA

Os STRUCTURES são um quarteto (fantástico!) oriundo da cidade francesa de Amiens. Quando a FADE IN viu o nome dos STRUCTURES nos mesmos cartazes de concertos de Sydney Valette, Rendez-Vous, Autobahn, Frustration ou Die Selektion (tudo bandas que já actuaram em Portugal no festival MONITOR ou no festival ENTREMURALHAS) percebeu imediatamente que a sua audição era obrigatória. E de facto, não poderia estar mais certa! Uma voz autoritária, um baixo marcante, ritmos nervosos, guitarras cortantes e sequências electrónicas cirúrgicas – como se os The Horrors se fundissem com os Agent Side Grinder nos alicerces dos New These Puritans – fazem dos STRUCTURES uma das novas bandas que é obrigatório descobrir! Que o digam os fiéis ouvintes do programa Unidade 304 que têm neles uma das suas actuais preferências!

. SPOTIFY.
. BANDCAMP .
. YOUTUBE 01 .
. YOUTUBE 02 .

A RECOMENDADA AVENTURA SYNTH-WAVE DE DOIS DOS MEMBROS DE WIND ATLAS

SDH (Semiotics Department Of Heteronyms) é o novo projecto de duas das figuras-chave da cena synth-wave / industrial de Barcelona. Andrea P. Latorre e Sergi Algis, fundadores da editora Cønjuntø Vacíø e também dois dos membros da banda de post-punk experimental Wind Atlas, fazem em SDH a sua aproximação à música pop, ainda que tingida pelo cinzentismo que lhes corre, naturalmente, nas veias. E isso reflecte-se, claramente, nos seus temas, onde podemos encontrar elementos característicos do techno e da EBM, envoltos numa toada misteriosa, obtusa e, por vezes, sugestiva. Em pouco tempo editaram um EP e um álbum, abrindo também concertos para os aclamados Merchandise e Marie Davidson. A dupla estreia-se agora em Portugal no evento mais adequado à sua estética. Os SDH ficam “a matar” no festival MONITOR!

. SPOTIFY.
. BANDCAMP .
. YOUTUBE 01 .
. YOUTUBE 02 .
. YOUTUBE 03 .

 

PEQUENOS ÉPICOS SINISTROS DE MÚSICA INSPIRADA EM HISTÓRIAS DE ALTO-MAR

É com bastante satisfação que a FADE IN pode anunciar, finalmente, a estreia ao vivo em Portugal de TANGO MANGALORE. O namoro entre a associação leiriense e este marinheiro grego já era antigo, mas as datas dos eventos para os quais a FADE IN o convidava coincidiam sempre com a permanência deste em alto mar e por longos períodos. Já se percebeu, pois, que o universo lírico marítimo de TANGO MANGALORE não é fruto da nossa imaginação. Resulta efectivamente das vivências que este músico tem enquanto marinheiro. O artista aproveitou o seu ofício para retratar um mundo aquático repleto de aventuras bizarras e obscuras através de contos mórbidos e de narrativas oceânicas estranhas. O resultado são pequenos épicos de minimalismo musical, com melodias encantatórias, algo sinistras, guiadas por uma voz particular que primeiro se estranha e depois se entranha. Bem-vindos a um mundo novo!

. SPOTIFY.
. BANDCAMP .
. YOUTUBE 01 .
. YOUTUBE 02 .
. YOUTUBE 03 .

ORA CONTEMPLATIVA ORA FRENÉTICA! É ASSIM A MÚSICA CONTAGIANTE DE MARTA RAYA

MARTA RAYA é uma polaca residente em Berlim que nos últimos anos se tem dividido entre ser a vocalista dos Tanzkommando Untergang (uma banda punk/post-punk do underground berlinense), corporizar Monowelt (projecto de coldwave / darkwave que mantém com Daria Leere), e compor em nome próprio! “Hidden Emotions” é o álbum de estreia a solo de MARTA RAYA e há logo aqui uma feliz coincidência: o disco foi editado no dia 25 de Maio de 2018 e é precisamente nesse dia, um ano depois, que a artista fará a sua estreia ao vivo em território nacional! A música de MARTA RAYA encerra em si um conjunto de reminiscências que ora nos remetem para o universo de umas Malaria (ou mesmo Xmal Deustchland!), na sua vertente mais frenética, mas também para o lado mais evocativo e atmosférico de uns Clan Of Xymox, da era 4AD, quando opta por nos mostrar o seu lado mais introspectivo.  E será também, por certo, essa ambivalência, que nos fascinará ao presenciá-la ao vivo no MONITOR 2019!

. BANDCAMP .
. YOUTUBE 01 .
. YOUTUBE 02 .
. YOUTUBE 03 .

 

MONITOR 2019

IV Minimal Wave & Post-Punk International Rendez-Vous

POTOCHKINE (fr) + TALK TO HER (it) + STRUCTURES (fr) + SDH (es) + TANGO MANGALORE (gr) + MARTA RAYA (pl)

SÁBADO, 25 MAIO – STEREOGUN – LEIRIA

Bilhete: € 30,00 (até 30 de abril) / € 35,00 (depois de 30 de abril)

Reservar bilhetes através de transferência bancária directamente à FADE IN. Solicite IBAN preenchendo o formulário em baixo.

A abertura de portas será às 17h30.
Os primeiros 3 concertos (1º – Marta Raya; 2º – Tango Mangalore; 3º – SDH) realizam-se entre as 18h00 e as 21h00.
Depois há intervalo para o jantar.
Os restantes 3 concertos (4º – Structures; 5º – Talk To Her; 6º – Potochkine) serão a partir das 23h00.